Notícias

Assembleia aprova proposta e fecha a Campanha 2017 com reposição da inflação e manutenção dos direitos

Índice oficial sera divulgado pelo IBGE na sexta-feira, 10 de novembro

Assembleia realizada nesta segunda-feira, 6/11, autorizou o Sindicato a assinar a Convenção Coletiva do Setor Químico 2017, que estabelece a renovação de todas as cláusulas sociais e reajuste de salário, PLR mínima e Piso Salarial com o índice cheio da inflação oficial do período (INPC IBGE).

Isso garante à categoria química todos os direitos hoje existentes por mais um ano, apesar da Reforma Trabalhista entrar em vigor no próximo dia 11.

"Será a Convenção Coletiva que nos protegerá a partir do dia 11, porque podem esquecer a CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas), ela foi destruída pela Reforma Trabalhista", destacou o presidente do Sindicato, Raimundo Suzart.

Essa Convenção representa cerca de 200 mil trabalhadores no estado de São Paulo.

O índice de inflação do período (nov/2016 a out/2017) será divulgado na próxima sexta-feira, dia 10.

Leia também:

Campanha Salarial 2017: negociação garante manutenção dos direitos e reajuste pela inflação

CUT convoca paralisação contra a Reforma Trabalhista de Temer para o dia 10 de novembro

 

 

Compartilhar com:

Enviar:

Imprimir: