Notícias

Semana da Segurança Química será realizada entre os dias 16 e 20 de outubro em SP

São doze eventos paralelos que acontecerão no Auditório da Fundacentro

A Semana da Segurança Química será realizada entre os dias 16 e 20 de outubro na Fundacentro, em São Paulo/SP, com 12 eventos paralelos. Ainda é possível se inscrever para alguns deles e se atualizar sobre programas internacionais voltados para área, entendendo o impacto deles na indústria, no governo e na sociedade em geral. Também será possível conhecer as experiências nacionais de diferentes instituições e entender com se dá a implementação da segurança química no Brasil.
Uma das discussões que possibilita essa aprendizagem será realizada por meio de dois painéis em 16 de outubro: “Atividades em segurança química”, na parte da manhã, e “Intersetorialidade e Regulamentação”. As atividades desse dia, que vão das 8h30 às 16h30, são feitas através de uma única inscrição.

Em 17 de outubro, haverá uma rodada de palestras sobre segurança química. Serão abordados temas como a recém ratificada Convenção de Minamata sobre o mercúrio, nanotecnologia, armas químicas, entre outros. Inscreva-se na atividade, que vai das 9h às 16h45.

Outra oportunidade será dada pelo Painel Segurança Química, Saúde e Meio Ambiente, realizado em 18 de outubro, das 9h15 às 17h. Serão discutidos temas como silicose, prioridades da Organização Mundial da Saúde - OMS para a segurança química, toxicologia ocupacional e convenções internacionais de Estocolmo, Roterdã e Basileia. Para se inscrever, basta acessar este evento no portal da Fundacentro.

Já o Seminário Segurança Química, Educação e Comunidade, voltado para a sociedade civil em geral, mostra como deve ocorrer a união de diferentes agentes para que a segurança química seja de fato implementada. Isso só é possível se a educação for um instrumento para disseminação de conhecimento não só para trabalhadores, mas para a comunidade como um todo.

Para tanto, serão discutidos temas como ensino de segurança química, com apresentações e debates com duas das principais universidades do Brasil - USP (Universidade de São Paulo) e UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), o papel das ONG’s e sindicatos, as ações educativas da Fundacentro e o projeto Educação em Segurança Química da Conasq (Comissão Nacional de Segurança Química). Além disso, haverá uma palestra sobre como a educação pode atuar frente às emergências e aos venenos agrícolas.

O Seminário Segurança Química, Educação e Comunidade ocorre em 19 de outubro, das 9h às 17h30. Para participar, faça a sua inscrição.

Confira a programação AQUI

Compartilhar com:

Enviar:

Imprimir: